Governo inaugura agroindústria Casa de Banana em Acrelândia

Foto: Diego Gurgel/Secom

Desenvolvendo o campo e fortalecendo a cadeia produtiva da banana no estado, o governo do Acre inaugurou a agroindústria Casa para Embalagens de Banana, em Acrelândia. O evento ocorreu na manhã desta segunda-feira, 6, no ramal Campo Novo, zona rural do município.

“A população de Acrelândia tem um protagonismo na produção rural e entrega produtos de qualidade ao mercado. Nos próximos dias vou me reunir com os parlamentares, e vamos discutir mais avanços na área da produção, gerando emprego e renda, e auxiliando quem quer trabalhar”, pontuou o governador Gladson Cameli, durante a inauguração.

O valor investido na agroindústria é de R$ 1,123.384 milhão em recursos próprios do Estado e do programa Proser.

“Esse é um dia histórico para a nossa comunidade, pois agora agregamos valor ao nosso produto. São diversas famílias que trabalham nesse local, e que agora vão entregar um produto com maior qualidade ao consumidor final”, pontuou Gerci Souza, presidente da cooperativa dos produtores do local.

São cerca de 80 famílias que vão ser diretamente beneficiadas com a unidade, que vai ser importante para o município, que é um dos melhores e maiores produtores agrícolas do estado.

“Pode ver a qualidade das lavouras de Acrelândia no concurso Qualicafé, três dos cinco finalistas eram do nosso município, o que comprova a excelência da nossa produção”, contou o prefeito do município Olavo Francelino.

“Essa agroindústria vai beneficiar os produtores de Acrelândia, um dos maiores produtores agrícolas do estado. Essa casa de embalagens vai agregar valor, e essas famílias que aqui produzem vão entregar um produto com maior qualidade”, frisou o senador Alan Rick, que esteve presente no evento.

O titular da Secretaria de Indústria, Ciência e Tecnologia (Seict), Assurbanípal Mesquita, explicou que a região já está consolidada como uma grande produtora agrícola.

“O produto que chega ao consumidor final, ao passar pela Casa de Banana, ganha muito mais qualidade. Principalmente na aparência, que é o que chama a atenção, o valor agregado no mercado, então, sobe, gerando mais renda às famílias”, disse. (Vitor Hugo Calixto/Secom)

Compartilhar